Posts Tagged ‘open software’

Currículo, WordPress by Email e Arduino

Arduino
Faz tempo que não coloco um post por aqui… O que me estimulou a escrever agora foram três coisas:

  1. Post no blog do Miguel Cavalcanti sobre o “fim dos currículos”
  2. Nova funcionalidade do WordPress que permite posts por e-mail
  3. Minha mais recente aquisição: Arduino

1111111111111111111111111111111111111111111111111111
Bom, já começo recomendando o blog do Miguel. Não conheço o cara pessoalmente mas gosto muito do que ele escreve. Vale a pena conferir. No seu último blog post ele dá a sua opinião: recém-formados deveriam esquecer os currículos e passar a escrever seus blogs. Eu concordo totalmente… obviamente um blog é capaz de mostrar muito melhor qual o perfil e interesses da pessoa, mas além disso ele é um “currículo ambulante”, podendo atingir pessoas que um dia podem lhe abrir diversas portas. Acho que tem empresas atentas a isso… um dos processos seletivos mais interessantes que fiz durante a faculdade envolvia produção de um blog coletivo. Foi uma experiência e tanto.

2222222222222222222222222222222222222222222222222222
Queria testar a nova funcionalidade do WordPress para blogar via e-mail. Portante… Testando, 1, 2, 3.

3333333333333333333333333333333333333333333333333333
0Contar sobre o meu novo hobby geek: hardware. Depois de passar algumas semanas aprendendo a programar (em Python/Django, para usar no trabalho mas também por interesse próprio) eu decidi explorar os leds, placas e microcomponentes.
Comprei um Arduino. Em termos completamente leigos (até porque não não expert para dar uma explicação mais técnica) trata-se de uma placa programável baseada em software e hardware open-source. Isso significa que qualquer pessoa pode pegar os planos originais e reproduzí-los, alterá-los, etc… sem pagar nada. Eu comprei a placa pronta, mas se quisesse poderia montar uma em casa simplesmente comprando a matéria prima (transistores, placas, chips, etc.).
Meu objetivo é o de aprender um pouco sobre o funcionamento dos hardwares e retomar um hobby de criança: desmontar e remontar tudo da maneira mais bizarra possível.
Para quem quer aprender mais sobre hacks e eletrônica também recomendo os sites Make e Instructables.

ExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtra
Eu ouvi falar do Arduino pela primeira vez em 2008, quando fiz preparei uma apresentação (em nome da Batuq) sobre conceitos de “open” (Open Software, Open Innovation, etc.). Segue abaixo:

ExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtraExtra-dois
Eu comprei o Arduino e outros componentes na loja SparkFun.com.
Sei que tem eletrônicos na Santa Efigênia, mas a preguiça é grande demais… e odeio ruas cheias (25 de março já me traumatizou uma vez…)… por isso estou afim de montar uma loja estilo SparkFun no Brasil (algum sócio por aí?). Será que tem mercado? Eu acho que sim… acho que a moda DIY vai pegar no Brasil.

Advertisements